A foto acima é da ótima banda de surf rock croata The Bambi Molesters. Mas, apesar de terem estado na semana da Croácia do Invasões (um dia vocês poderão ouvi-los em nosso podcast), eles nem são o assunto principal deste post.

Malagueña é, ao pé da letra, uma habitante da cidade de Málaga, na região espanhola da Andaluzia. Mas é na música que a palavra encontra a maior profusão de significados. Pode ser tanto um subgênero do flamenco como um gênero venezuelano. Em termos de canções, a mais conhecida de título Malagueña é aquela composta pelo cubano Ernesto Lecuona, seguida de outra, a Malagueña Salerosa (Ramirez/Galindo), mas que também foi regravada com o título Malagueña, como fizeram os caras da banda The Bambi Molesters.

O mais interessante disso tudo é que uma versão não costuma ter nada a ver com a outra. Oficialmente, a versão de The Bambi Molesters é uma regravação da Malagueña Salerosa de Ramirez/Galindo. Mas esta versão em surf rock instrumental pouco ou nada tem a ver com outra, letrada, gravada pela banda mexicana Chingón e incluída na trilha sonora do segundo filme Kill Bill.

A essa altura, já deu para juntar os pauzinhos e chegar à conclusão que o principal assunto deste post é a versão de Malagueña da banda The Bambi Molesters. Mas o que tem de tão especial nesta música, para merecer um post inteiro em nosso blog?

Para começar, você já deve tê-la ouvido na abertura da fatídica novela das sete Bang Bang. Sim, é ela. E o que isso implica? Bem, trata-se de uma música de origem hispânica regravada por uma banda da Croácia (The Bambi Molesters) em um ritmo de fortes raízes havaianas (o surf rock) que virou trilha sonora de uma novela brasileira que se passou nos Estados Unidos. Nada de surpreendente no mundo de hoje, mas o suficiente para pensarmos que não são só os automóveis que têm uma peça produzida em cada canto do mundo.

Quanto à banda The Bambi Molesters, esta já tem seu lugar garantido no cenário atual do surf rock. O som é excepcional, vale a pena conferir outras músicas como “The Bikini Machines” e “The Last Ride”, sendo que esta última é outra que deve soar familiar, já que também esteve na trilha de Bang Bang. Tudo bem que as músicas são todas instrumentais, isso faz parte do estilo surf rock. Mas, para mostrarmos que os caras fazem um som global sem renegarem as origens, incluímos a música de título em idioma croata Napuljska Gitara (Violão Napolitano) na semana da Croácia no Invasões.