#409 - Benjamín Mora

Invasões Bárbaras #409 teve o prazer de servir café e pão de queijo para um amigo. Filho da Patagônia e criado em Buenos Aires, o músico Benjamín Mora fala sobre o “rock nacional” uma das grandes paixões argentinas. O rock argentino tem um inegável papel na identidade dos nossos vizinhos, com uma história muito interessante, recheada de gênios e heróis. Benja passou rapidamente por BH, enquanto perambula pelo Brasil carregando seu violão e sua gaita. No canal do YouTube e no Instagram vocês acompanham por onde anda Benja.

No #409, os preferidos de Benja:

Pappo, el Carpo, o maior representante do blues argentino
Spinetta, em duas versões: Pescado Rabioso e com Los Socios del Desierto
Charly, “donde dejaste la capa de superman?”
Luis Salinas, grande guitarrista que mistura folclore e jazz.

Bloco 1
Pescado Rabioso – Como el Viento Voy a Ver
Charly García – Demoliendo Hoteles

Bloco 2
Pappo – Rock and Roll y Fiebre
Spinetta y Los Socios del Desierto – Cheques

Bloco 3
Pescado Rabioso – Bajan
Pappo’s Blues – Blues para Santa Fé

Bloco 4
Luis Salinas – Profundo
Spinetta y Los Socios del Desierto – Barro tal vez
Pappo’s Blues – Sucio y Desprolijo

Benja em BH, na “Lindo Lago do Amor Session”:

Charly e o “salto en Mendoza”:

Pra encerrar, um retrato de Benja quando jovem. Homenagem feita carinhosamente por sua tia Ana.

Benja quando jovem

Invasões Bárbaras #409
Produção e apresentação: Igor Costoli, Dudu Carvalho e Thiago Borges
Participação especial: Benjamín Mora
Técnica: Thiago França