“DVA” é a primeira sílaba que os bebês tchecos fazem. É o correspondente, no Brasil, do famoso “dá-dá” que emociona a tantas mães.

Pois é! A novidade é o que marca até o nome dessa banda tcheca que há seis anos faz um som elétrico-acústico para diversas plataformas. O último trabalho deles é a trilha sonora do jogo “Botanicula”. A banda criou músicas com sons estilizados de floresta e animais para complementar a aventura dos bichinhos que usam suas habilidades para salvar as sementes da árvore onde vivem.

Você também pode ajudar os cinco amigos de Botanicula em sua missão ecológica

“DVA” é formada pelos irmãos Bára e Jan, que se dividem nos vocais, guitarra, sopro, banjo e “outros brinquedinhos” em suas composições próprias para seus álbuns ou para acompanhar grupos de teatro, documentários, filmes mudos e curta-metragens.

Em 2010, o grupo lançou o álbum HU, que se identifica com o estilo musical “pop para rádios inexistentes”. Esse é o terceiro disco da dupla, que também tem um disco de “folclore para nações inexistentes”, o álbum Fonók, e a compilação Kollektt8, com as composições para os grupos de teatro e jogos de computador. “Nunovó tango”, de Fonók, ganhou um videozinho bem legal:

Em 2008, o grupo resolveu também levar seu som para bem perto de seus ouvintes. Eles criaram um álbum de toques de celular chamado Ringtones for mobile uPhones, que pode ser baixado gratuitamente.