O Japão é a segunda maior economia do mundo, é fortemente ocidentalizada, mas mantém algumas tradições. Uma delas é a valorização das artes que foram proeminentes na era Edo e Meiji (idade média e moderna do japão), como pintura, teatro kabuki e dança.

Essa política japonesa influencia a população de uma forma diferente. Por exemplo, lá, os desenhos de animação, popularmente conhecidos como animes, são vistos por todos sem nenhum tipo de preconceito. Os animes são tão ou mais importantes que a indústria cinematográfica japonesa.

Essa situação acaba afetando a música também. Grande parte das bandas que fazem sucesso no Japão começou fazendo trilhas para animes. Algumas famosas atualmente, como o Asian Kung-Fu Generation, continuaram nesse trabalho mesmo após estourar no Japão.

Além de ser um passaporte para a fama no Japão, fazer trilhas de anime pode ser uma maneira de se tornar conhecido no Ocidente. O canal Cartoon Network dos Estados Unidos, tem um bloco de desenhos japoneses chamado Toonami e acaba ajudando a difundir as bandas japonesas por aqui.