Aqui não é suficiente misturar vários estilos musicais. Tem também que misturar diversas culturas na mesma música! Esse é o espírito Invasões Bárbaras!

Blues e Percussão senegalesa?

Kara Sylla Ka é de origem Fula, um povo de cultura predominantemente nômade do Sahel, uma faixa de terra logo abaixo do Deserto do Saara.

Seguindo seus ancestrais, o artista nasceu no Senegal, mas logo se mudou para a parte francesa da Suíça onde apresenta uma música contemporânea, com muitos elementos da cultura fula, especialmente a percussão. Ele faz um tremendo sucesso aqui na região de Genebra e é bastante admirado com seus flertes com o Blues e o Jazz, especialmente por conta do Festival de Jazz de Montreux.

Como se não bastasse, ele também apresenta as danças típicas da cultura fula e outras danças africanas. Quer dizer, além de compositor e multiinstrumentista, Sylla Ka ainda dá aulas de dança! O Kara sabe se virar!

Isso tudo para não perder o contato próximo com a cultura africana, mesmo estando tão longe. O clipe da música “Mariama”, gravado em sua terra natal, mostra bastante do cenário e da musicalidade do Senegal. Vale dar uma olhada!

Mariama, o que você fez para o rapaz?