14-de-64

Duelo entre chefes de estado no último confronto do dia.

Gana vem representada por Blakk Rasta, cantando “Barack Obama”. O músico ganês não se limitou a compor um reggae para o presidente americano. Também já escreveu letras sobre o ex-ditador líbio Muammar Khadafi e a guerra civil deste país, entre outros temas de cunho político.

Já o representante dos americanos é a banda Someone Still Loves You Boris Yeltsin. A música em questão, “Think I Wanna Die”, não é sobre nenhum chefe de estado, mas nem precisava. A banda já leva no nome o maior presidente russo e do mundo em termos de zueira, o Zaphod Beeblebrox da vida real.

O jogo

Os Estados Unidos surpreenderam ao deixar de fora aquele que pode ser considerado o maior jogador de futebol da história do país, Landon Donovan. Além disso, o técnico da seleção Jurgen Klinsmann causou polêmica ao afirmar categoricamente que os EUA não tinham chance de ser campeões. Nenhuma surpresa, mas muita gente se incomodou com o técnico assumir a derrota antes mesmo da Copa começar. Do lado de Gana, as principais estrelas que fizeram parte da ótima campanha na África do Sul, como Asamoah Gyan e Kevin-Prince Boateng, estão de volta, mais experientes e podem fazer boa campanha. No campo, ao contrário da música, os ganeses não irão fazer reverência aos americanos: 3×1 para as Estrelas Negras.