O Cine Humberto Mauro abriu ontem uma programação especial dedicada ao cinema romeno, que vive um momento especial. Nos últimos anos, algumas produções conseguiram mais que espaço em cartaz, conseguiram reconhecimento de uma geração criativa e promissora de cineastas fazendo ótimos trabalhos com muita vontade e poucos recursos.

A mostra Cinema Romeno Atual – Um olhar pós Ceausescu exibe, durante os próximos quinze dias, três filmes que podem ser incluídos no não-oficial projeto “Relatos de uma era de Ouro”. Esta trilogia não-presumida faria parte de um geração de filmes sobre o comunismo no país, que deixou marcas pesadas na cultura e sociedade, uma economia devassada, e que agora começa a ser passado a limpo no cinema.

A leste de Bucareste é uma comédia questionando a atuação dos revolucionários da cidade e seu papel na queda do regime. 4 meses, 3 semanas e 2 dias, premiado com a Palma de Ouro em 2007 no Festival de Cannes, é um tratado apolítico e cruel sobre o aborto. Ambos estiveram em cartaz em belo Horizonte ano passado.

O último, Como eu festejei o fim do mundo, foi exibido no Indie07, e recebido como um dos mais bonitos filmes do festival.

Veja aqui a programação completa.